HomeNOTÍCIASADVB“Um dos grandes equívocos da política elétrica federal foi reduzir a tarifa...

“Um dos grandes equívocos da política elétrica federal foi reduzir a tarifa em 12%”, diz João Carlos de Souza Meirelles

O secretário de Energia do Estado de São Paulo disse a frase durante sua apresentação no II Encontro Político Empresarial 2015 – ADVB® (Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil), realizado hoje, 11 de maio, no Esporte Clube Sírio, em São Paulo

Ainda segundo o secretário, essa redução criou um verdadeiro caos, gerando um débito contraído pelas distribuidoras na ordem de R$ 28 bilhões. Déficit que o governo do estado começou a pagar no ano passado, quando foi repassado um aumento à população. E agora, em julho deste ano, está previsto novo aumento.

“Estamos em crise no setor elétrico. As causas são desde uma menor demanda até o desaquecimento da economia no país”, disse. “Por isso São Paulo precisa atender energeticamente onde há demanda. Não importa se a energia virá do Rio Grande do Sul ou do Rio Grande do Norte, com o sistema elétrico interligado, ninguém mais sabe de onde ela está vindo”, pontuou o secretário.

Para ele uma das grandes soluções é o gás, que pode alimentar usinas termoelétricas. ”Precisamos de novo gerador de energia para São Paulo. Estamos focados em montar pequenas hidroelétricas, mas, sobretudo, introduzir o gás na matriz energética do estado, em definitivo”.

João Carlos de Souza Meirelles falou também que esse gás vem do contrato firmado entre Brasil e Bolívia “Contrato esse que precisamos ficar atentos ao que vai acontecer, já que ele expira em 2019”.

A abertura do evento foi feita pelo presidente da ADVB® – Associação dos Dirigentes e Marketing do Brasil, Latif Abrão Jr. e contou com a presença do presidente do Conselho Consultivo, Flávio Côrrea e do presidente da FENADVB – Federação Nacional das ADVBs, Miguel Ignatios.

Flávio Corrêa, Latif Abrão Jr., João Carlos de Souza Meirelles e Miguel Ignatios
Flávio Corrêa, Latif Abrão Jr., João Carlos de Souza Meirelles e Miguel Ignatios
RELATED ARTICLES
spot_img
spot_img
spot_img