HomeNOTÍCIASADVBVice-governador de SP âncora Fórum de Temas Estaduais da ADVB

Vice-governador de SP âncora Fórum de Temas Estaduais da ADVB

Evento reúne autoridades públicas e lideranças da iniciativa privada de vários setores e diferentes patrocinadores da entidade

Com a participação do vice-governador do estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, a Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil – ADVB, presidida por Aristides de La Plata Cury, realizou, no dia 10/11/2021, o Fórum de Temas Estaduais, no Terras Altas Resort & Convention Center, em Itapecerica da Serra, município da Região Metropolitana de São Paulo.
Na pauta: “Desafios e Perspectivas para o Desenvolvimento do Estado de São Paulo”. Auditório lotado, respeitadas as regras biossanitárias, entre autoridades públicas e lideranças empresariais de diferentes setores presentes, Candido Pinheiro Júnior, do Hapvida, Personalidade de Vendas do Ano da ADVB; Flávio Amary, Secretário de Habitação do Estado São Paulo, ex-presidente do Secovi; Ricardo Andress Roman Júnior, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado de São Paulo; Carlos André de Arruda, presidente da Prodesp e Wesley Fernandes Tuaf Garcia, diretor Executivo Russell Bedford SP/PR, exemplificam o perfil da seleta audiência.

Abertura

Latif Abrão Jr e Aristides de La Plata Cury recepcionam Flávio Amary, Secretário de Habitação do Estado São Paulo, ex-presidente do Secovi

“Uma imensa alegria reabrir os trabalhos presenciais da ADVB após quase dois anos, com o Fórum de Temas Estaduais. Com 65 anos de atuação, nossa entidade, considerada a porta de entrada do marketing no Brasil, sempre acreditou na importância da mobilização da sociedade na busca de soluções inovadoras. Hoje, mais do que nunca, somos sobreviventes e precisamos retomar as rédeas do nosso futuro”, afirmou Lafif Abrão Júnior, presidente do Conselho Consultivo da ADVB e proprietário do Terras Altas Resort & Convention Center.

“Como acontece nas empresas de todos vocês, em cenário de crise, reduzir custos e focar em ganhos de produtividade são medidas necessárias, na gestão pública o enxugamento da máquina e corte de gastos foram as medidas adotadas”, disse o vice-governador do Estado de São Paulo e, também, Secretário de Governo na gestão de João Dória.

Com base no Programa de Concessões PPPs, vencer os desafios corte de gastos com enxugamento da máquina com extinção, liquidação e fusão de empresas – as quais resultam em uma economia anual de R$ 1 bilhão e a geração de receita de R$ 45 bilhões, decorrentes. Medidas que propiciam mais investimentos em infraestrutura rodoviária, ferroviária, metroviária e aeroviária, além parcerias com parques temáticos e naturais que agregam atrativos turísticos nos respectivos territórios, na capital, região metropolitana, interior e litoral paulista.

O conjunto de medidas administrativas adotadas, asseguram recursos público para novos investimentos em 2021/2022, que totalizam R$ 50 bilhões.

Com a capacidade de investir R$ 22,5 bilhões em 2021 e R$ 27,5 bilhões em 2022, o Governo do Estado de São Paulo aposta na retomada do crescimento, como prevê a Proposta de Lei Orçamentária Anual (PLOA) no biênio 21/22, ancorada em critérios e normas que garantem o equilíbrio das receitas e despesas do Orçamento do Estado.

Denominado Pró São Paulo, que contempla um pacote de oito mil obras vitais para a ampliação da infraestrutura do estado, auxiliará também na retomada do crescimento econômico, com oferta de 200 mil empregos e geração de renda, além da melhoria dos serviços prestados à população.

Ao final de sua apresentação, o jovem vice-governador, (47 anos de idade); ex-deputado federal por dois mandatos (de 2011 a 2018), nascido no município paulista de Tanabi, que foi líder de bancada na Câmera Federal e presidiu a Assembleia Legislativa (Alesp), de 2005 e 2007, apoiado na experiência acumulada como Secretário de Estado da Habitação do Estado de São Paulo (março de 2015 a fevereiro de 2018); Secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de São Paulo (maio de 2013 a abril de 2014), além de ter sido também Secretário Municipal de Gestão da Prefeitura de São Paulo, antecipou as próximas concessões programadas.


Clique aqui e confira a íntegra da palestra e fotos legendadas.

RELATED ARTICLES
spot_img
spot_img
spot_img